Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2020 > VOEPASS Linhas Aérea suspende suas operações no país temporariamente
conteúdo

Notícias

VOEPASS Linhas Aérea suspende suas operações no país temporariamente

Passageiros com viagem marcada deverão entrar em contado com a empresa para mais informações
publicado: 22/03/2020 14h12, última modificação: 22/03/2020 14h29

A VOEPASS Linhas Aéreas anunciou que suspenderá todas as suas operações no país por um período de três meses a partir da segunda-feira (23). Aos passageiros com passagens aéreas adquiridas para voar neste período, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) recomenda que verifiquem os avisos da companhia aérea, que deve informar a todos sobre a suspensão e ofertar alternativas de ressarcimento.

A VOEPASS, antiga Passaredo, que também controla a MAP Linhas aéreas informou que a suspensão foi necessária devido à baixa demanda por voos e ao grande número de solicitações por reembolso devido à chegada do Coronavírus ao Brasil.

Passageiros

Em caso de interrupção dos serviços pela empresa aérea, a companhia deverá oferecer para escolha do passageiro as alternativas de reembolso integral (observado o meio de pagamento utilizado no momento da compra e no prazo de 12 meses) ou de reacomodação em outro voo disponível, além da alternativa de remarcação sem custos.

Atendimento ao Cliente VOEPASS
Telefone: 0800 770 3757
sac@voepass.com.br

Se houver falha na informação da empresa aérea e o passageiro comparecer ao aeroporto para embarque, a empresa também deverá oferecer assistência material. Essas informações estão disponíveis para consulta no portal da ANAC na internet (https://www.anac.gov.br/assuntos/passageiros) ou na página Passageiro Digital (https://www.anac.gov.br/passageirodigital), especialmente desenvolvida para dispositivos móveis.


Caso o passageiro se sinta prejudicado ou tenha seus direitos desrespeitados, deve procurar a empresa aérea contratada para reivindicar seus direitos como consumidor. Se as tentativas de solução do problema pela empresa não apresentarem resultado, o usuário poderá registrar sua reclamação por meio da plataforma www.consumidor.gov.br. Por esta ferramenta, o consumidor pode se comunicar diretamente com as empresas, que têm a obrigação de receber, analisar e responder as reclamações em até 10 dias.

Assessoria de Comunicação da ANAC
E-mail: jornalismo@anac.gov.br