Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2016 > ANAC participa da Campanha Zika Zero
conteúdo

Notícias

ANAC participa da Campanha Zika Zero

Cidade de Taubaté recebe apoio da Agência
publicado: 12/02/2016 16h17, última modificação: 05/09/2017 11h51

Taubaté, 12 de fevereiro de 2016 – Neste sábado (13/2) a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) participará presencialmente, na cidade de Taubaté, interior de São Paulo, do Dia Nacional de Mobilização Contra o Mosquito Aedes Aegypti (transmissor dos vírus da dengue, chikungunya e zika), promovido pelo Governo Federal.

O diretor da ANAC, Claudio Passos Simão, irá se reunir às 8h (horário local) com o Comando de Aviação do Exército (Cavex), de Taubaté, e com representantes da Superintendência de Controle de Endemias (Sucen) e do Controle de Animais Sinantrópicos (CAS). Juntos, eles percorrerão as ruas do município entre 9h e 17h, para alertar a comunidade sobre a necessidade de evitar a proliferação do mosquito. 

                            
     
                     O mutirão será composto por mais de mil militares do Cavex, entre outros representantes.

Na próxima semana, entre os dias 15 e 19 de fevereiro, os militares promoverão uma visita casa a casa nos bairros da região 4, compreendida pelos bairros Independência, Jardim das Nações, Santa Luzia, Jabuticabeira, Jardim Humaitá, Bom Conselho e centro, onde foi registrado o maior índice de ADL (Análise de Densidade Larvária) no mês de janeiro.

A Secretaria de Saúde de Taubaté e a ANAC reforçam a necessidade de conscientização da população, já que cabe às famílias o combate aos criadouros do mosquito, responsável por transmitir os vírus da dengue, zika e chikungunya.

Balanço atualizado da Vigilância Epidemiológica de Taubaté indica 725 notificações de casos suspeitos de dengue este ano. Deste total, 142 foram confirmados como casos autóctones, além de um registro importado. Outros 102 casos são negativos e 480 aguardam exames.

Até agora, são sete notificações relacionadas à zika no município, que resultaram em um caso positivo importado confirmado, cinco casos descartados e um caso em análise. Outros três casos suspeitos de chikungunya também estão em análise.

Assessoria de Comunicação Social da ANAC
Gerência Técnica de Relações com a Imprensa

E-mailjornalismo@anac.gov.br
http://www.anac.gov.br/