Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2013 > Operação para a Copa das Confederações começou em 13/06
conteúdo

Aviso

Operação para a Copa das Confederações começou em 13/06

Reforço na fiscalização atinge 10 aeroportos
publicado: 13/06/2013 19h24, última modificação: 17/08/2017 10h06

Brasília, 13 de junho de 2013 – A Operação Especial da ANAC para a Copa das Confederações teve início na quinta-feira (13/06), com reforço na fiscalização em 10 aeroportos do país: Brasília/DF, Belo Horizonte/MG, Recife/PE, Salvador/BA, Fortaleza/CE e Rio de Janeiro/RJ, cidades-sede dos jogos, além de Congonhas, Guarulhos e Viracopos, em São Paulo, pelo fluxo de passageiros e entrada de turistas estrangeiros.

Cerca de 220 servidores estarão atuando nesses aeroportos para fiscalizar a prestação do serviço de transporte aéreo de passageiros, bem como prestar informações sobre seus direitos e deveres, e acompanhar as operações aeroportuárias durante o evento. Em alguns aeroportos, o trabalho das equipes será desempenhado 24h, como no Galeão, Guarulhos e Brasília. Nos demais, os turnos acompanharão o horário de funcionamento de cada um deles, entre 7h e 23h.

A Operação Especial da ANAC é parte do plano do setor elaborado pela Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (CONAERO), coordenada pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República (SAC-PR). O plano reúne ações dos diversos órgãos que atuam nos aeroportos. Ao longo dos últimos quatro meses, foram feitos exercícios de simulação para recepção de delegações e convidados em todos os aeroportos envolvidos. A SAC também realizou diversas vistorias aos aeroportos. Consulte aqui outras informações sobre o plano.

Treinamentos – A ANAC também ministrou treinamento para voluntários em todas as cidades-sede da Copa das Confederações e em São Paulo, como iniciativa do Ministério do Esporte. O objetivo foi transmitir informações sobre as características do transporte aéreo e os direitos dos passageiros no Brasil. Além disso, a ANAC ofereceu treinamento para servidores da Infraero e das novas concessionárias que administram os aeroportos de Brasília, Guarulhos e Viracopos, concedidos em 2012.

Vistorias finais – Antes de iniciar a Operação Especial da ANAC para a Copa das Confederações, diretores da Agência fizeram uma vistoria final nos aeroportos das cidades-sede e de São Paulo. O diretor-presidente, Marcelo Guaranys inspecionou, em 06/06, os aeroportos de Guarulhos e Viracopos, em São Paulo, o Galeão e Santos Dumont (RJ) na última terça-feira (11/06) e o aeroporto de Brasília, em 12/06. O diretor de Regulação Econômica, Ricardo Bezerra, que também participou da vistoria em Brasília, inspecionou os aeroportos de Confins (MG) e Recife (PE) em 06/06, e Salvador, em 07/06. Na última terça-feira (11/06), o diretor de Regulação Econômica inspecionou o aeroporto de Fortaleza (CE).

O objetivo dessas últimas vistorias pelos diretores foi fazer a checagem final da preparação desenvolvida ao longo dos últimos quatro meses para o evento, no âmbito do plano do setor para a Copa das Confederações, coordenado pela CONAERO. De acordo com o diretor-presidente da ANAC, Marcelo Guaranys, os aeroportos vistoriados estão preparados para receber as delegações e o fluxo de passageiros durante o evento.

Balanço das vistorias - “Os aeroportos vistoriados ainda estão se preparando para a Copa do Mundo, mas observamos que as obras para aumento da capacidade e as melhorias da qualidade do serviço estão em pleno andamento. Ainda há muito trabalho a ser feito pelos operadores e continuaremos monitorando constantemente os avanços. O importante, nesse momento, é que, mesmo em obras, as operações nesses aeroportos não sejam impactadas durante a Copa das Confederações”, avalia Guaranys.

“Além disso, observamos diversas melhorias já implementadas para aumentar o conforto dos passageiros, como ampliação das salas de embarques e de banheiros, manutenção em elevadores e escadas rolantes, melhoria na sinalização e implementação de mais opções de locais de alimentação para os passageiros, dentre outras”, informa o diretor.

Durante as vistorias, a ANAC também verificou que as companhias de maior porte (mais de 500 mil passageiros/ano por aeroporto) têm mantido balcão para atendimento presencial aos passageiros, em cumprimento à norma da ANAC, bem como para atendimento a pessoas com deficiências. Embora a área técnica da ANAC acompanhe mensalmente o andamento das obras para a Copa do Mundo feitas pelos aeroportos concedidos, o diretor-presidente visitou o que vem sendo construído e constatou que tudo está dentro do cronograma para 2014.

Assessoria de Comunicação Social da ANAC
Gerência Técnica de Relações com a Imprensa
Telefones:
(61) 3314-4491 / 4493 / 4494 / 4496 / 4497 / 4498
Plantão de Imprensa: (61) 9112-8099
E-mail: jornalismo@anac.gov.br
www.anac.gov.br

Matéria atualizada em 18/06/13, às 17h20