Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2019 > Passageiro: tire suas dúvidas sobre o que pode ou não ser transportado na bagagem
conteúdo

Notícias

Passageiro: tire suas dúvidas sobre o que pode ou não ser transportado na bagagem

Página “O que posso transportar?” lista itens proibidos e artigos perigosos
publicado: 20/02/2019 12h14, última modificação: 20/02/2019 12h24

Ao organizar a mala para uma viagem aérea é normal surgirem dúvidas sobre quais itens podem ou não ser transportados na bagagem de mão ou despachada. Pensando em facilitar o dia a dia dos passageiros, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) criou a página “O que posso transportar?” (clique no link para acessar). Nela, os interessados podem encontrar uma lista exemplificativa com aproximadamente 150 itens proibidos ou classificados como artigos perigosos pelas regras internacionais de aviação civil.

Disposta em ordem alfabética, a lista pode ser dividida por categoria (artigos de desporto e lazer, armas de fogo e armas brancas, eletrônicos e baterias, ferramentas e utensílios, fósforos, isqueiros, inflamáveis e explosivos, itens pessoais e de consumo e necessidades médicas). Para facilitar a busca por um objeto específico, é possível utilizar a ferramenta de busca que leva diretamente à informação pesquisada.

A restrição ao embarque de determinados itens na bagagem de mão ou despachada em aeronaves tem por objetivo garantir a segurança no transporte aéreo, evitando a presença de objetos que possam oferecer riscos à operação. As orientações contidas na página se aplicam aos embarques com origem no Brasil e, em caso de dúvidas, é recomendável procurar a empresa aérea contratada para verificar eventuais restrições impostas por outros países.

É importante destacar que a decisão final sobre a possibilidade de determinado item ser transportado é da empresa aérea ou do agente de proteção da aviação civil (APAC) que atua no aeroporto e que tem o contato direto com o objeto.

Para facilitar o acesso às informações por meio de dispositivos como tablets e celulares, a Agência incluiu o item “O que posso transportar?” também na página mobile-friendly  Passageiro Digital, disponível pela internet sem que seja necessário instalar aplicativos ou ocupar memória nos dispositivos móveis. Organizada pelos temas e subtemas mais buscados pelos passageiros, as informações na página Passageiro Digital são apresentadas com um ou dois cliques na tela do dispositivo.