Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2017 > Simpósio promovido por ANAC e DECEA celebra os 10 anos de proficiência em inglês aeronáutico no Brasil

Notícias

Simpósio promovido por ANAC e DECEA celebra os 10 anos de proficiência em inglês aeronáutico no Brasil

por publicado: 03/10/2017 17h33 última modificação: 05/10/2017 13h30

Nos dias 27 e 28 de setembro, aconteceu no Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA) em São José dos Campos (SP) o “Simpósio Comemorativo ANAC-ICEA: 10 anos dos requisitos de proficiência em inglês aeronáutico no Brasil”. O evento é resultado de uma parceria entre a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e o Departamento de Controle Aéreo (DECEA) – órgão responsável pelo Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA) –, e celebrou a implementação dos requisitos de proficiência linguística no Brasil. O trabalho é atualmente desenvolvido pela ANAC, que avalia a proficiência em inglês de pilotos, e pelo ICEA, que realiza o treinamento e avaliação de inglês em controladores de tráfego aéreo. Foram 130 participantes, entre servidores da Agência, examinadores de proficiência linguística, controladores de tráfego aéreo, professores de inglês aeronáutico, gerentes e diretores de empresas aéreas e equipes administrativas de entidades credenciadas para a aplicação de exames de proficiência.

A abertura do evento foi realizada Coronel Aviador Manoel Araujo da Costa Junior, diretor do ICEA. Também participaram da abertura, o Superintendente de Padrões Operacionais (SPO), Wagner William de Souza Moraes, e o Gerente de Certificação de Pessoal (GCEP/SPO), Luiz Roberto Alves da Silva Filho, que ressaltaram a importância da colaboração entre os dois órgãos e destacaram o amadurecimento da proficiência linguística dentro da Agência.

O Simpósio contou com diversas apresentações de integrantes do ICEA sobre o histórico do inglês aeronáutico, bem como as ações de capacitação e avaliação de proficiência que estão sendo desenvolvidas para os mais de 4 mil controladores de voo que atuam no Brasil. O Chefe da Divisão de Língua Estrangeira do Instituto, Major Evandro José Alves, mostrou a evolução do ensino de inglês aeronáutico dentro do DECEA. 

A professora doutora Patrícia Lucks, Supervisora do Setor de Capacitação em Língua Inglesa do ICEA, destacou que as ações do Instituto em relação à proficiência de controladores possuem duas frentes: capacitação e avaliação com o objetivo de ampliar o conhecimento em língua inglesa dos controladores e prepará-los para o uso do idioma em situações inesperadas e anormais. “Um bom conhecimento do inglês é importante para que eles possam desempenhar com maior precisão, segurança e confiança as tarefas comunicativas relacionadas à aviação”, afirma Patrícia. A capacitação dentro do ICEA envolve treinamentos intensivos, com ações a distância e presenciais (o chamado blended learning), para que os controladores estejam preparados para o uso do inglês em suas atividades e realizar com sucesso o EPLIS (exame de proficiência para controladores de tráfego aéreo).

Durante o evento foi realizado também o IV Seminário do Grupo de Estudos do Inglês Aeronáutico (GEIA), que promoveu apresentações sobre inglês aeronáutico sob uma perspectiva acadêmica – pesquisas que propõem melhorias para o inglês aeronáutico, glossário de inglês/português para comunicações radiotelefônicas e reflexões sobre atividades de pronúncia em livros didáticos de inglês aeronáutico, considerando os falantes do português brasileiro. Além disso, a professora doutora Sílvia Damião do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) realizou uma palestra que debateu as possibilidades e desafios das tecnologias digitais na educação, e a pesquisadora de Universidade São Paulo, Malila Prado, promoveu o workshop Are the Language Proficiency Requirements focusing on real life issues? Some insights from communication analysis through Corpus Linguistics” com a análise linguística de comunicações radiotelefônicas entre pilotos e controladores.

Os participantes puderam ainda conhecer algumas instalações do ICEA, visitar os laboratórios de simulação e Torre 3D e saber um pouco mais sobre como é feito o treinamento dos controladores de tráfego aéreo.

 

Proficiência Linguística na ANAC

A participação da ANAC no simpósio envolveu um passeio sobre os 10 anos de avaliação da proficiência linguística de pilotos no Brasil. A especialista em Regulação de Aviação Civil Ana Lúcia Monteiro apresentou um panorama da proficiência linguística na Agência entre os anos de 2005 e 2015. Ana Lúcia mostrou como foi o processo de evolução do Santos Dumont English Assessment (SDEA), exame de proficiência em inglês aeronáutico para pilotos. A servidora, que está realizando o seu doutorado na Universidade de Carleton (Canadá) também promoveu o workshop Language, Culture and Effective Radiotelephony Communications: analysing case studies from aviation stakeholders’ perspective”, tema relacionado ao seu projeto de pesquisa.

As servidoras do Setor de Proficiência, Mariana Miguel e Angela Garcia, falaram mais sobre o SDEA, mostrando os bastidores do teste e os resultados de uma pesquisa que revela a percepção dos pilotos em relação ao exame. Já o servidor Pablo Antunes foi o responsável pelo workshopA debate on SDEA’s test content, format and tasks”, que promoveu uma conversa sobre o exame de proficiência desenvolvido pela ANAC. O coordenador do Setor de Proficiência Linguística, Átila Jordão, comentou as perspectivas futuras em relação ao exame de proficiência na Agência, que envolvem a informatização do SDEA e também um aprimoramento do intercâmbio entre a Agência e o DECEA.